• MORADA

    Leva-me a conhecer o teu lugar

    A casa onde aprendeste a sonhar

     

    Mostra-me o que vês

    Quando imaginas conforto e compreensão

     

    Se casa é mãe, cama e um telhado

    Então casa comigo e vem, que já és mãe também

    Vamos construir um mundo inteiro a partir de nós os dois

     

    Transformar paredes em tradição

    Criar no chão as raízes da memória

    E namorar os filhos na morada nova

    Com retratos nossos na estante da sala

     

    Quadros tortos

    Discos velhos

    E loiça por lavar

     

    Contar as horas que faltam para acordar de novo

     

    Todos nós na morada que tanto nos dá

    136 à esquerda, 1º andar

     

    Transformar paredes em tradição

    Criar no chão as raízes da memória

    E namorar os filhos na morada nova

    Com retratos nossos lá